Importância da Mãe no Desenvolvimento da Criança

Importância da Mãe no Desenvolvimento da Criança

Nossa sociedade vive momentos difíceis no que diz respeito às relações familiares. Muito se diz que as famílias estão se degenerando e colapsando na sociedade brasileira.

As mulheres, hoje mais do que em qualquer outra época, devem conseguir conciliar seu tempo entre a carreira profissional, a casa, o marido e os filhos.

Os avanços tecnológicos que foram pensados como formas de se economizar tempo e garantir mais liberdade e maior interação entre as pessoas, acabaram se transformando numa forma de facilitar o trabalho fora do horário de expediente normal e promoveram uma verdadeira epidemia de pessoas que levam trabalhos para fazer ou para terminar em suas casas.

Com isso tudo, as relações entre mães e filhos, passam por transformações que podem representar avanços ou perdas irreparáveis que dependerão muito de cada família para consolidarem-se como um ou como outro.

Importância da Mãe no Desenvolvimento da Criança

No entanto uma coisa é importante que a mãe moderna entenda: se ela escolheu ter uma vida profissional e ter filhos; cabe a ela encontrar tempo e maneiras de desempenhar essas duas funções da melhor maneira possível.

Também c abe a ela possuir a devida maturidade para compreender que a formação adequada de uma criança e o conseqüente adulto em que ela se transformará, dependerá quase exclusivamente de como se dá a sua relação com seu filho.

É fato comprovado por inúmeras pesquisas e por diversos estudiosos que crianças afastadas do convívio de suas mães ou que têm pouco contato com elas tendem a apresentar mais problemas de desenvolvimento e mais entraves a seu desempenho acadêmico e social.

Isso, sem qualquer dúvida, se refletirá numa vida adulta repleta de inseguranças, timidez excessiva e problemas para adaptarem-se as situações que a modernidade impõe para qualquer pessoa.

Prestar atenção nos filhos, participar de seu desenvolvimento motor, psíquico, intelectual e físico podem parecer coisas atávicas e naturalmente simples.

Contudo, para algumas mães, essa tarefa pode ser um trabalho hercúleo e extremamente difícil de ser realizado. As consequências disso, como já falamos, se refletirão no futuro.

É pelo contato com a mãe que as crianças dão seus primeiros passos em direção a descoberta do mundo que as cerca e das melhores formas de interagir com ele.

Da mesma forma, é a mãe que normalmente apresenta aos filhos a “ideia” de interação com pessoas de fora do círculo familiar e as melhores práticas para que as crianças sejam bem sucedidas nessa “aventura”.

Isso assegura um desenvolvimento psicológico correto e garante que a criança estará plenamente apta a captar informações que sejam apresentadas por outras pessoas ou mesmo por situações que ela viva ao longo de sua existência; igualmente as tornarão capazes de fazer frente a esses desafios.

Para as mães é importante que além de se sentirem bonitas, amadas e plenas de sucesso profissional ou financeiro, a importância delas se sentirem parte integrante da educação de seus filhos é muito maior do que qualquer outra necessidade que posam ter.

Pois, negar-se o dever de educar e preparar corretamente um ser humano que você colocou no mundo é o mesmo que enviar alguém que você ama para o sofrimento e para o desamparo.

A figura materna é tão importante para o desenvolvimento intelectual e emocional das crianças que supera, de longe, a figura do pai. Podendo facilmente substituí-la a qualquer hora.

Portanto, pense sempre em dar o melhor de si e garantir para o seu filho todo o amor, o carinho e o apoio que ele precisará para tornar-se uma pessoa completa e livre de recalques e frustrações.

Leia Também:

Ensine seu Filho a Gostar de Ler

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *