Cuidados com o Desenvolvimento Infantil

Cuidados com o Desenvolvimento Infantil

Os pais estão atentos ao desenvolvimento dos seus filhos?

Preocupar-se com o desenvolvimento infantil é participar continuamente da vida dos filhos, em todas as fases da infância.

Assistir tv, cuidar da alimentação, passar os valores de vida e ensinar a responsabilidade com as pequenas obrigações diárias, participar da diversão dos pequenos. Todas esses pequenos cuidados são prazerosos, mas exigem tempo e dedicação dos pais.

Cuidados com o Desenvolvimento Infantil

Tempo, mas os pais estão com tempo para dedicar aos filhos? Com toda a correria do mundo atual, onde os pais trabalham, estudam, cuidam da casa, entre outras obrigações que muitas vezes deixam os pais sem tempo de dedicarem aos filhos.

Isso acontece, principalmente, quando pais e mães colocam outras obrigações como prioridades na vida, se esquecendo que seus filhos precisam de apoio total para crescerem e se desenvolverem.

Com tudo, a rotina diária das crianças passa a ser exclusiva da diversão- não que seja ruim as crianças terem uma rotina de atividades prazerosas, mas mesmo essas necessitam de orientação.

Televisão, jogos no computador e na internet, vídeo game e outros brinquedos eletrônicos são a diversão favorita das crianças e muitas vezes acabam por ocupar a maior parte do tempo dos pequenos. brincar vídeo game.

A televisão e os vídeos games são ótimas opções de lazer na infância e em todas as fases da vida, isso sem dúvida. No entanto, tudo tem o seu limite, quando a diversão com os equipamentos eletrônicos passam do limite certamente serão prejudiciais a saúde da criança, educação e desenvolvimento dos filhos.

A infância é a fase da vida de descobertas, aprendizado e total desenvolvimento, os quais são prejudicados pelo uso desmedido de equipamentos e brinquedos eletrônicos. Podendo até prejudicar a saúde do seu filho como um todo – prejudicando a visão, concentração e até mesmo a alimentação.brincar em casa

Uma maneira de promover o desenvolvimento de crianças de maneira saudável é o acompanhamento das brincadeiras das crianças pelos pais e responsáveis, mesmo que não seja em tempo integral.

Sugerir e ensinar novas brincadeiras leva um tempo mínimo dos pais – depois disso é só deixar por conta da imaginação e criatividade dos pequeninos – o que eles têm de sobra, não é mesmo?

Ensine seu filho a brincar de lojinha dentro de casa, fazer cartões postais, brincar de mapa do tesouro no quintal ou ensine-o a fazer passos de danças. Com muita diversão essas entre outras brincadeiras irão ajudar o desenvolvimento saudável da infância do seu filho.

Cuide do seu filho participando do seu crescimento e desenvolvimento!

Ensine seu filho a gostar de ler

Desenvolva atividades educativas

Atividades Educativas

Desenvolva Atividades Educativas com as Crianças na Escola

As atividades de crianças desenvolvidas nas escolas são tão importantes quanto as atividades desenvolvidas em casa pelos pais.

A escola é um complemento na educação dada pelos pais e responsáveis dentro de casa. Por isso, a escola deve ser uma combinação de aprendizado e lazer, fazendo com que a criança sinta-se estimulada a assistir as aulas e frequentar o ambiente escolar. A boa relação escola e família é também fundamental para o bom desenvolvimento das crianças.

Desenvolva Atividades Educativas com as Crianças na Escola

As atividades educativas na infância estimulam o aprendizado, o hábito de leitura, testa e desenvolve os sentidos da criança, como a audição.

As obrigações das crianças nas escolas podem se tornar algo prazeroso e estimulante para o aluno.

Veja nossa as dicas de atividades de crianças que educadores podem praticar dentro ou fora do ambiente escolar com os alunos. Assim, os educadores estarão ajudando na educação e desenvolvimento infantil de seus alunos.

Atividades que estimulam a leitura das crianças

Conte histórias e contos para as crianças

A imaginação nas crianças está em pleno vapor. Contar histórias com o intuito de mexer com a imaginação, gerando perguntas e discussões entre os colegas. Faça inúmeras descrições dos personagens e cenários e faça associais dos contos com o que acontece na vida real. É muito interessante fazer com que as crianças sugiram o final da história, assim os educadores podem aproveitar a oportunidade para avaliar os alunos.
Como e o que ler para as crianças

Sempre faça as leituras na frente de todas as crianças e em voz alta, mas claro que nada de gritos. Leituras expressivas e feitas com clareza, levando em consideração os pontos e vírgulas, facilitam o entendimento e interpretação do texto lido.

Os textos lidos para as crianças, sejam de livros ou revistas, devem ser bem ilustrativos, coloridos, onde podemos apontar as ilustrações e esclarecer possíveis dificuldades de imaginação dos pequenos.
Atividades que testam a visão e a audição das crianças

Existem bons programas de TV e vídeos educativos para a criançada. Programas infantis onde a criança aprende os sons das letras, tv na escolasons dos animais e até mesmo os sons do dia-a-dia, mas com diversão e muito estimulo à criatividade.

A TV, o computador e outros equipamentos eletrônicos que exigem da nossa visão, só não fazem bem a saúde das crianças quando utilizados em excesso. Essa sugestão de atividades para criança é só mais uma alternativa para os educadores estimularem o aprendizado nas escolas avaliando o desenvolvimento da infância de cada criança.

Os pais, certamente, têm o papel principal na educação e aprendizado dos filhos. As escolas devem incentivar os estudos das crianças sempre trabalhando com seus alunos em comum acordo com os pais para melhor entender as dificuldades de cada crianças e conhecer os seus limites.

As Crianças e a Música

Ensine seu filho a gostar de ler

Ensine seu Filho a gostar de Ler e Escrever

Ensine seu Filho a gostar de Ler e Escrever

A leitura é uma atividade que deve ser desenvolvida por toda a vida e começar logo na infância. Pessoas com hábitos de leitura e escrita tem maior facilidade de comunicação e interpretação, fundamental para o aprendizado da criança e para o convívio nas sociedades.

Ensine seu Filho a gostar de Ler e Escrever

O gosto pela leitura e escrita pode ser adquirido logo na infância com ajuda dos pais e educadores através de atividades prazerosas.

Com a prática de atividades diárias relacionadas a letiura as crianças podem aprender não simplesmente a ler, mas selecionar suas leituras.

Leia algumas dicas de atividades diárias para as crianças.

Dicas que irão estimular o gosto pela leitura e escrita do seu filho:

Desenvolva Atividades nas Bibliotecas e Livrarias de Crianças

Se possível, faça visitas diárias ou semanais com seu filho as bibliotecas. Apresente a sessão de livros infantis e crie uma carteirinha de acesso exclusivo do seu filho, para que ele entenda que as bibliotecas também são espaço de criança e recebem leitores de todas as idades. A variedade de livros e autores irá despertar a curiosidade na criança.

Atividades com o Dicionário Infantil não Podem Faltar

Os dicionários infantis, além das palavras, trazem ilustrações o que irá facilitar o aprendizado da criança. As brincadeiras de adivinhações também podem trazer bons resultados para estimular a leitura e estimular a imaginação.

Material Didático para as Atividades jamais Pode Faltar para as Crianças

Os lápis de escrita, lápis de cor, régua, borracha e tesoura devem estar sempre em mãos. O quadro negro e o giz de cera podem ajudar bastante. Ensine seu filho a brincar de escolinha em casa, criar cartazes com recortes e colagens de palavras que você sabe que seu filho tem dificuldade.

Essas brincadeiras de criança irão trabalhar a coordenação motora do seu filho. Uma boa atividade para estimular a leitura é fazer com que a criança faça seu próprio livro.

Dê Exemplos de Como Ser um Bom Leitor com Atividades do dia-a-dia

As crianças precisam se espelhar nos pais para adquirir costumes e valores. De nada adianta os pais darem todo o incentivo de hábito de leitura se eles próprios não são bons leitores. leitura.

Procure fazer atividade com as crianças no qual toda a família irá participar, como leituras antes de dormir, os pais com seus livros e os filhos com seus livros ou compre jornais e revistas com freqüência para que seu filho veja que seu gosto pela leitura é variado.

As atividades para crianças com livros, além aprimorar o hábito de leitura, estimulam o desenvolvimento intelectual contribuindo com a saúde da criança.

Leia sempre com seu filho!

Brincadeiras que Incentivam o Desenvolvimento Linguístico nas crianças

Brincadeiras e Jogos para Crianças

Como Ajudar seu Filho a Gostar de Música

As Crianças e a Música

As Crianças e a Música – Importância de Estimular o Gosto pela Música

A música é sem sombra de dúvidas uma das formas de comunicação mais adotadas e mais prazerosas que o homem pode executar. O seu poder libertador e toda a atividade criadora em torno da elaboração de uma música, ou mesmo de sua interpretação é enorme e deve ser estimulado nas crianças o mais cedo possível.

As Crianças e a Música – Importância de Estimular o Gosto pela Música

Das cantigas de ninar que as mamães cantam para seus filhos ainda no ventre ou para o ensino propriamente dito de música as crianças mais velhas; é necessário habituar a criança a viver num mundo repleto de música.

Ela deve ser orientada a expressar seus sentimentos e partilhar seus pensamentos em forma musical desde a mais tenra idade. Assim, a música fará parte de sua vida como uma coisa natural e cheia de significados especiais.

Estimulando o cérebro como poucas atividades, a música tem um papel fundamental no desenvolvimento do raciocínio, na coordenação motora e na capacidade de concatenar e organizar ideias.

Os ritmos, as batidas, os gestos e toda a complexidade motora envolvida numa música representam para as crianças uma enorme oportunidade de evolução e de formação de uma psique forte e equilibrada.

Você não precisa ser um virtuose e seu filho um Mozart para que vocês possam compartilhar a música e usufruírem todas as possibilidades que ela pode oferecer. Nada como uma vitrola, um aparelho de som e algum tempo livre para transformar pais e filhos em cantores ardorosos e cheios de talento (mesmo que apenas para eles mesmos).

Jogos e Brincadeiras para Crianças

Ao cantarem, as crianças exercitam a fala e executam tarefas que são responsáveis por estímulos totalmente novos ao cérebro; criando ligações neurais que representarão uma grande capacidade mental futura e garantirão uma melhor capacitação na absorção de conhecimentos e de experiências.

Outra experiência bastante interessante é associar música e brincadeira em uma mesma atividade.

A música exerce um poder tão grande sobre o cérebro das crianças que estudiosos acreditam que as crianças dotadas do que chamam de “inteligência musical” sequer necessitariam da educação formal nos moldes como é feita hoje para que possam exercer seus dons musicais. Seriam os famosos músicos “autodidatas” ou “de ouvido”.

Pessoas capazes de encantar por seu talento musical e que jamais teriam frequentado os meios acadêmicos para tal; sendo talentos refinados em um dos meios mais difíceis e complexos da expressão humana.

Mães e Filhos – Tempo é Fundamental

O mais interessante é que todos nós nascemos com essa capacidade. Por isso mesmo, é muito importante que os estímulos musicais comecem o mais cedo possível como uma forma de garantir as crianças o melhor aproveitamento de suas capacidades latentes.

O que importa é que isso seja uma atividade movida pelo prazer e não pela obrigação. É lógico que ser pai do próximo Mozart encheria de orgulho qualquer um.

Mas, o que importa mesmo é ser pai de uma criança saudável e de um adulto que se sentirá realizado em qualquer profissão que seja de sua escolha e a qual estará plenamente apto a exercer graças aos seus esforços e ao seu trabalho de estimulação inicial.

Portanto, antes de tudo, converse com seu filho e tenha sempre em mente que a primeira e última escolha deve ser dele.

A música deve ser um prazer, um “elemento a mais”, uma força motriz; e não um empecilho e uma corrente que o force a exercer tarefas e cumprir compromissos que ele não deseja.

Como em tudo o mais na vida; bom senso é fundamental.

Relação entre Pais e Filhos

pais e filhos

Importância da Relação entre Pais e Filhos

Todos nós estamos casados de escutar que é importante deixar as crianças brincarem e que é através das brincadeiras que elas desenvolvem suas personalidades e suas aptidões para encararem o que o futuro as reserva. Também escutamos que é importante encontrarmos tempo para brincar e conversar com nossos filhos.

Importância da Relação entre Pais e Filhos

O tempo entre Pais e Filhos é essencial. Isso é claro, chega a ser um luxo negado a maioria das famílias.

Afinal de contas, vivemos cada vez mais atarefados e numa sociedade que exige mais e mais qualificações e empenho para que você tenha a chance de conseguir arrumar um emprego que lhe possibilite sustentar-se dignamente.

Essas exigências de qualificação, aliadas a uma enorme sobrecarga de trabalho e a escalada da violência nas grandes cidades, fazem com que pais e filhos fiquem cada vez mais distantes e mais ausentes (por mais incrível que isso possa parecer) da vida um do outro.

No entanto, é importante que entendamos a inutilidade de investirmos em cursos de idiomas, atividades extracurriculares e treinamentos de toda sorte se nossos filhos forem incapazes de desempenharem o papel social minimamente adequado que se espera de qualquer um de nós.

É irrelevante a sua formação acadêmica ou bagagem cultural se você é um ser humano egoísta, irascível e impossível de lidar. Se você é carente, não tolera críticas e é incapaz de trabalhar em equipe; você simplesmente estará alijado de toda conquista profissional que sua qualificação superior lhe proporcionaria.

Impedir que nossos filhos se tornem adultos tristes, frustrados e repletos de complexos e problemas de adaptação social é de nossa responsabilidade.

E, por mais incrível que isso possa parecer, todos esses problemas podem ser evitados pelos simples ato de conversar ou de encontrar um tempinho para estar junto ao seu filho em momentos cruciais de sua vida – as atitudes dos pais pais influenciam os filhos.

Por mais sem importância que possa parecer para você, um determinado evento ou momento pelo qual seu filho passa; para ele esses momentos são difíceis e de importância capital. É justamente enfrentando essas situações “de vida ou de morte” que nossas crianças aprenderão a desenvolverem sua capacidade de lidar com os reais problemas que a vida adulta trará.

E é por isso que o amparo, a presença, o carinho e o amor dos pais é a chave para a criação de adultos calmos, seguros e capazes de encarar desafios.

Nós somos os “deuses” e os “heróis” plenos e poderosos de nossos filhos. São nossos exemplos que eles procuram imitar.

São nossas reações diante dos problemas que eles tentam assimilar para uso futuro e é de nossas palavras e de nosso amor que eles se nutrem e usam como escudo enquanto são pequenos e frágeis.

Sem a presença dos pais e sem a constante atenção da mãe e das conversas em família, aliadas a um tempo juntos para a diversão e para a cumplicidade, essas crianças tendem a se tornar adultos retraídos e problemáticos; incapazes de lidar com situações de stress social e profissional que outros tirariam “de letra”.

Mesmo que você desconsidere tudo isso; entenda uma única coisa: os momentos em que seu filho desejará passar ao seu lado são poucos e passam rapidamente.

Conforme ele for crescendo e se desenvolvendo, você perderá cada vez mais importância em sua vida. Portanto, pare tudo o que você estiver fazendo e dê uma oportunidade a seu filho seja uma criança saudável e um adulto produtivo e a você de ser uma mãe ou um pai mais feliz e mais satisfeito consigo mesmo.

Antes que seja tarde demais para todos.

Jogos para Crianças 

Mães e Filhos – Tempo é Fundamental

jogos e brincadeiras

Jogos e Brincadeiras – Deixe seus Filhos se Divertirem

Se você é daquelas mães que ficam desesperadas quando suas crianças estão brincando e fazendo a maior bagunça no quarto e desejaria que elas ficassem quietas e se comportassem como adultos; saiba que essa sua ideia de crianças comportadas pode não condizer com a verdade de crianças saudáveis.

Jogos e Brincadeiras – Deixe seus Filhos se Divertirem

A bagunça, a algazarra, a verdadeira confusão que as crianças fazem no dia a dia de seus lares é algo normal e que deve ser incentivado. Inclusive contando com a sua convivência e participação.

É lógico que ninguém está dizendo para você permitir que seus filhos incendeiem a casa ou destruam tudo o que você conseguiu comprar com tanto sacrifício.

Mas a mãe consciente e informada sabe que dosar os limites com a correta medida da permissão é a chave para crianças educadas, criativas e felizes com suas próprias vidas. Além disso, essa é a receita para adultos seguros, responsáveis e capazes de fazerem frente às duríssimas exigências que a vida apresentará a eles no futuro.

Brincar é uma terapia importante e uma ferramenta poderosa na educação e no desenvolvimento psíquico, social, motor e intelectual das crianças. Todos os especialistas são unânimes em afirmar que brincando a criança experimenta situações reais do dia a dia que ela não é capaz de compreender muito bem.

Assim, elas podem expressar o que sentem e preparam-se para encarar aquelas situações em sua vida futura.

E toda mãe sabe que é importante participar dessas brincadeiras e estreitar os laços de carinho, amizade e respeito que há entre elas e seus filhos.

Ao brincar o metabolismo da criança libera substâncias relacionadas ao prazer que provocam uma sensação de bem-estar. Uma criança apática, que não brinca e que é excessivamente bloqueada pelos pais se transformará num adulto recalcado e cheio de inseguranças e medos que poderão levá-la a uma vida adulta repleta de sofrimentos e de perdas.

Algumas mães podem aderir aos jogos eletrônicos e unirem-se aos seus filhos nas brincadeiras virtuais.

Mães e Filhos – Passe Tempo com seus filhos

O importante é ter sempre me mente que passar horas e horas diante de uma televisão ou na frente de um computador certamente não fará bem para uma criança (e nem para um adulto). Por isso é importante que as mães tenham dicas de brincadeiras que possam partilhar com seus filhos e que envolvam atividades de raciocínio ou mesmo físicas.

Montar um quebra-cabeça; brincar co um jogo da memória; andar de bicicleta; jogar dama, dominó, bola ou outros jogos é importante e garantirá uma interação intensa e extremamente apreciada por ambos. Brinquedos que as crianças possam movimentar, empurrando ou puxando, servirão como estimulantes da função motora e da coordenação geral.

Que tal brincar com seu filho de pique esconde, pega ladrão ou pega-pega? São brincadeiras que eles adorarão e, de quebra, promoverão um exercício intenso e um gasto de energia acentuado para ambos; deixando-os felizes, calmos e plenamente satisfeitos após todo o tempo em que se divertiram juntos.

Jogos e Brincadeiras

É importante te em mente que o seu filho deve brincar sempre que possível. Muito mais do que simples divertimento, as brincadeiras de hoje terão um papel importantíssimo no ser humano que ele se tornará amanhã. E você, como mãe, tem o dever e a missão de fazê-lo ser o melhor ser humano possível.

maes e filhos

Mães e Filhos – Tempo é Fundamental

É inegável que vivemos hoje uma vida agitada e extremamente corrida. Compromissos profissionais, atividades extra curriculares, e jornadas de trabalho que se prolongam e muitas vezes invadem os momentos que teríamos para conviver com nossas famílias e toda sorte de problemas da vida moderna.

Mães e Filhos – Tempo é Fundamental

Com as mulheres que são mães, esses problemas assumem uma proporção ainda maior.

A final de contas para fazerem jus a seus empregos e como grande parte delas são as responsáveis pelo sustento da casa e da família, as mulheres devem se submeter a uma jornada de trabalho intensa e, muitas vezes, levam trabalho para casa mesmo tendo que executar as tarefas domésticas do dia a dia.

O resultado dessa sobrecarga de trabalho é óbvio: suas vidas pessoais ficam grandemente negligenciadas e todos os aspectos dela perdem.

Infelizmente, um desses aspectos que é tremendamente prejudicado e certamente é o lado mais terrível de todo esse quadro é o convívio entre mães e seus filhos.

É importante que as mulheres entendam que esse envolvimento, esse contato, esse carinho trocado é de fundamental importância para um correto desenvolvimento psicológico e até motor da criança.

O contato com a mãe dá segurança e tranqüilidade para a criança e a estimula muito mais intensamente do que qualquer outro.

O tempo que as mães dedicam aos seus filhos tem diminuído progressivamente em nossa sociedade. Em muitos casos, chegamos a um nível de ausência tal que as babás contratadas para cuidar das crianças é que são reconhecidas por elas como mães.

As mães devem entender que uma disciplina rígida deve ser implementada para garantir aos seus filhos o maior tempo de contato possível com você; isso garantirá que eles se desenvolvam mais felizes e melhor. Tornando-se adultos plenamente capazes de viver sadiamente em sociedade e desempenharem, eles mesmos, seus papeis de pais e mães com muito mais afinco e talento.

Como estimular seu filho a praticar esportes

Compreender e respeitar as necessidades de carinho, atenção e contato que seus filhos têm é dar claras mostras de que você se preocupa com suas crianças e quer o melhor para elas.

Estimular a curiosidade, a vontade de aprender e a capacidade de interagir com outras crianças são as funções desempenhadas por esse contato entre mãe e filhos.

Aprender que quando as crianças estão brincando, elas estão passando por processos complexos de aprendizado e de evolução mental, social e intelectual que não são aparentes e evidentes; mas manifestam-se em caráter sutil.

Participar desses momentos é uma oportunidade única para a mãe interagir com seu filho e estreitar ainda mais os laços naturais que eles desenvolveram desde os primeiros momentos em que a mulher “se sentiu” grávida.

A infância é uma época maravilhosa e que passa rápido. É durante essa época que pais e filhos mais interagem e precisam uns dos outros.

Negligenciar essa interação e favorecer apenas o seu lado profissional é muito mais do que simplesmente perder uma oportunidade de ficar com seus filhos; é perder a oportunidade de criar um ser humano saudável e capaz de lidar com o mundo que o cerca.

Brincadeiras e Jogos

Brincadeiras e Jogos – Estimule as Brincadeiras de Seu Filho

Quando vemos as crianças brincando com seus jogos ou brinquedos, muitas vezes não imaginamos que aquelas brincadeiras sejam de imensa importância para o desenvolvimento saudável de nossos pequenos tesouros.

Mesmo que possam parecer sem propósito, as brincadeiras e os jogos são de imensa importância para as crianças ao proporcionarem uma evolução saudável de suas ligações nervosas, suas mentes e sua coordenação motora.

Além disso, através de jogos para as crianças é possível ensiná-las, desde muito cedo, conceitos sociais importantes e complexos como cidadania (e seu correto exercício), respeito às diferenças raciais e religiosas, tolerância com pessoas diferentes e uma série de comportamentos que podem ser assimilados muito mais simplesmente através de brincadeiras e num processo de aprendizagem que é chamado de “lúdico”.

crianças

Brincadeiras e Jogos – Estimule as Brincadeiras de Seu Filho

Portanto, você que é mãe, saiba que é de suma importância que você incentive seu filho (ou sua filha) a se socializar com outras crianças e a brincar.

Mesmo numa infância atolada de atividades extra curriculares como a das crianças de hoje, um espaço exclusivamente reservado para que elas brinquem livremente durante o dia é importantíssimo e consiste em uma atividade que não pode ser negligenciada.

Se você mora em condomínios ou em apartamentos que possuam uma área destinada às crianças, deixe seus filhos brincarem e os iniciem nas velhas brincadeiras que você mesmo praticava ”em seu tempo”.

As antigas brincadeiras de roda e em grupo são excelentes formas de interação e de socialização para as crianças. Além disso, esse início de brincadeiras acompanhadas por você; servirá para aproximar ainda mais suas crianças de você, fortalecendo laços e ampliando a saudável dependência que deve haver entre pais e filhos.

É importante reconhecer que se deve deixá-los sozinhos com seus pares também. Isso evitará que seus filhos adquiram uma dependência doentia de você e facilitará que adquiram confiança e segurança em si mesmos para continuarem suas vidas sozinhas futuramente.

No caso de famílias que moram em casas ou em áreas violentas e inseguras; uma supervisão maior, por parte das mães, se faz necessária e urgente. Talvez seja impossível deixar o seu filho sozinho brincando na rua por muito tempo.

Nesses casos, uma pequena parte dessa deficiência de associação pode ser compensada com jogos realizados em casa (com a participação dos amiguinhos vizinhos); numa tarde divertida de brincadeiras e jogos. Ou com o uso do computador.

Sim, o computador pode ser um aliado de extrema importância na educação de nossos filhos. Na Internet, e mesmo nas lojas especializadas em venda de software ou produtos de informática, você encontra uma enorme variedade de jogos educativos para as crianças que podem ser jogados em grupo, pela Internet, ou isoladamente em casa.

Dicas de Brincadeiras Educativas

Esses jogos vão desde a apresentação e apreensão de conceitos de matemática, ciências, história e muitas outras matérias que as crianças têm (ou terão) contato na escola; até mesmo a jogos destinados a desenvolver o raciocínio e a socialização das crianças.

O uso de personagens dos desenhos animados, que já são familiares às crianças, e a explosão de cores e de movimento que se descortina diante de seus olhinhos; faz dos jogos de computador uma ferramenta que não pode ser desprezada na educação das crianças de hoje.

A Internet também dispõe de jogos educativos como damas, xadrez, jogo da memória, jogos de raciocínio com personagens de desenhos animados, jogos de formação e de caça palavras e uma infinidade de outros jogos que proporcionarão às crianças uma enorme carga de informações e aprendizado dentro de um conceito de pura diversão.

E assim, tudo fica muito mais fácil.

atividades físicas

Atividades Físicas – Como Estimular seu Filho a Praticar Esportes

Numa única palavra: exemplo.

Nada é mais forte para uma criança do que os exemplos dados por seus pais. Afinal de contas, os pais são os “seres supremos” de qualquer criança e o que eles fazem é sempre bom e perfeito.

Exatamente por isso, você deve praticar esportes ou qualquer outra atividade física juntamente com seus filhos observando o seu empenho e a sua felicidade praticando essas atividades desde a mais tenra idade, a criança acabará “seguindo os seus passos” e praticando com gosto qualquer atividade física que você introduza em seu mundo, até que esteja suficientemente grande para escolher aquelas das quais gosta mais. Essa maneira é a mais eficaz de estimular as crianças a praticar esportes.

Atividades Físicas – Como Estimular seu Filho a Praticar Esportes

Uma atividade simples, que pode ser feita com você e sem qualquer contra indicação é a caminhada.

Mesmo antes que sua criança esteja andando por si só, você pode levá-la para a rua sempre que possível e, assim que ela dê os primeiro passos, colocá-la para caminhar com você onde quer que vá.

Dicas de Brincadeiras na Escola

É claro que você não pode pegar o seu bebê e desejar que ele ande quilômetros ao seu lado. Tudo deve ser feito pensando na criança e em seu conforto e segurança.

Andar de bicicleta também é um excelente exercício e pode ser estimulado desde cedo com a criança se acostumando com a bicicleta e aprendendo o gosto pelo veículo ainda na cadeirinha. Além disso, nada é mais significativo e prazeroso do que ensinar nossos filhos a andarem de bicicleta.

Cada fracasso e cada tombo é uma oportunidade para você estimulá-lo a tentar novamente e derramar todo o seu carinho e força sobre ele. Desta maneira ele aprenderá que, ao tentar e fracassar; atingirá os requisitos necessários para triunfar e vencer o desafio no final das contas. Isso o tornará mais independente, mais seguro e mais capaz de enfrentar desafios futuros.

A natação é o mais perfeito dos esportes e a atividade física que mais dá prazer ao ser humano. Seja porque nos lembra do tempo em que vivíamos flutuando no líquido amniótico de nossas mães, na segurança protetora de seus úteros; seja porque a água nos mantém suspensos e livres de impactos e ameniza a incômoda e constante presença da gravidade. Toda mães pode começar a nadar com seu filhinho ainda bebê.

Inúmeras academias e profissionais da área têm cursos e horários onde o atendimento para mães com bebês é diferenciado e repleto de cuidados e segurança. A natação além de desenvolver a musculatura geral, a capacidade respiratória e ser ótima para o sistema circulatório nosso e dos bebês; representa uma chance formidável de interação entre nós e nossos rebentos. Algo que só poderíamos experimentar no útero materno.

Com a prática de esportes, nossas crianças melhoram a motricidade; ganham agilidade, amplitude de movimentos e desenvolvem plenamente as suas habilidades de correr, arremessar e rebater. Além disso, o próprio raciocínio é estimulado e o caráter se torna mais forte e mais decidido.

A atividade física é de fundamental importância para a criança. Estimular o gosto e a prática constante de exercícios é saber que estamos estimulando nossos filhos a serem pessoas mais saudáveis, mais felizes e mais dispostas a encarar a vida e todos os desafios que aparecerem em seu caminho.

 

brincadeiras educativas

Dicas de Brincadeiras Educativas na Escola

As brincadeiras possuem um papel importante na vida das crianças. As brincadeiras educativas na escola estimulam o aprendizado e o desenvolvimento intelectual das crianças aumentando o rendimento do pequeno na hora de estudar.

Na escola são importantes os estímulos diários e por isso trouxemos ótimas dicas de brincadeiras educativas para os seus alunos na escola.

Dicas de Brincadeiras Educativas na Escola:

Criar um dia especial da semana para as brincadeiras é o primeiro passo. Onde a crianças poderá levar seu brinquedo favorito e aprender a compartilhar com seus coleguinhas.

Bonecas de todos os tamanhos, carrinhos, corda para pular, bolas, todos os brinquedos são validos para a diversão da criançada.

Mas o ideal é explorar as brincadeiras para crianças que favorece a educação na infância. Podemos começar com as brincadeiras que estimulam a criatividade e imaginação. Veja:

Brincadeiras Educativas do Faz-de-Conta

As crianças podem usar o próprio brinquedo para criar um teatro em sala de aula. A idéia é… Separar a sala de aula em equipes e juntando o brinquedo de cada integrante as crianças devem inventar uma história que será apresentada ao restante da sala.brincadeiras educativas

É importante nessa brincadeira que o educador fique a tento a quem no grupo participa do teatro.

As crianças mais tímidas devem ser estimuladas sem a percepção dos outros coleguinhas a participar da brincadeira.

Já as crianças mais falantes, menos desinibidas, devem ser controladas para aprenderem a esperar pela sua vez e da oportunidade ao restante do grupo que não tem a mesma facilidade de interação.

Brincadeiras Educativas com Jogos

As crianças podem fazer seus próprios jogos educativos para jogar na sala de aula. A ideia é… Separar a as crianças sala de aula em pequenos grupos brincantes e cada integrante deve sugerir algum jogo. O jogo deverá ser escolhido por votação, assim nenhuma das crianças se sentirá injustiçada pela escolha.

A criança sorteada devera ensinar ao restante do seu grupo as regras do jogo e a brincadeira começa. Com papel, tesoura, cola e revistas o jogo devera ser montado, caso seja um jogo de tabuleiro por exemplo que precisa de peças para acontecer.

Aproveite todos os momentos do aluno na escola. O aprendizado escolar da criança é um bem levado por toda a vida.

Leia Também:

Dicas de Brincadeiras para Escola

 

jogos educativos

Dicas de Jogos Educativos para Todas as Idades

Toda criança gosta de brincar. Essa é uma coisa que qualquer um sabe. Mas, muito mais do que mera brincadeira para descontrair e passar o tempo, as crianças necessitam de atividades que lhe dêem prazer e, ao mesmo tempo, sejam capazes de promover seu correto desenvolvimento psicológico, motor, físico, intelectual e social.

jogos educativos

Dicas de Jogos Educativos para Todas as Idades:

E é justamente nesse aspecto que os jogos educativos exercem o papel importante na vida de qualquer criança e de qualquer adulto “bem resolvido”.

Isso mesmo; estudos comprovam por inúmeros testes e cuidadosa observação que as crianças que não brincam ou brincam pouco apresentam problemas de desenvolvimento em um ou vários aspectos de seu ser.
Contudo, por mais importante que sejam os jogos educativos devem ser colocados para a criança de forma a estimularem a sua escolha espontânea e prazerosa. Tudo deve ser feito sem imposições e sem exigências de desempenho e de qualquer outra natureza.

Ao deparar-se com um desenho cheio de riscos incompreensíveis; elogie-o. Pois, para você eles são apenas isso; no entanto, para uma criança que dá seus primeiros rabiscos num pedaço de papel eles são um tesouro e fruto de um esforço incrível do seu cérebro.

Sendo assim, estimule sempre com elogios e oriente quando ocorrerem erros ou desvios. Jamais fique indiferente ou despreze o que seu filho fez.

Pode parecer algo impensável; mas você ficaria surpresa com a enormidade de mães e pais que agem assim.

Abaixo dou algumas dicas de brinquedos e jogos educativos que você pode apresentar aos seus filhos e até mesmo participar da brincadeira com eles.

Certamente serão momentos inesquecíveis e que renderão um enorme bem estar para ambos. Aliás, os jogos educativos são uma excelente dica para as férias das crianças, com certeza elas vão adorar.

Dicas de Jogos Educativos:

De um a um ano e meio a criança ainda está descobrindo o mundo que a cerca. Gosta de espalhar as coisas e ficar mudando-as de lugar. Isso é apenas o cérebro descobrindo e explorando os sentidos. Confira algumas brincadeiras para crianças divertidas para fazer em casa.

O som, o tato, o paladar e a visão. Uma boa dica de brinquedos e jogos educativos são os jogos de montar com peças grandes e coloridas, caixotes com peças e bichinhos também grandes e coloridos (para que possam espalhar e recolher tudo de um lugar para outro), jogos de formas geométricas (onde podem desenvolver a coordenação motora encaixando as peças, potes de plástico com tampas coloridas para que treinem os movimentos finos de abrir e fechar as coisas, cubos coloridos ou outro tipo de brinquedos ou jogos que emitam luz e som.

De dezoito a vinte e quatro meses as crianças já têm um potencial de reconhecer um bom número de cores e formas.

Sabem esconder e encontrar objetos e adoram jogos e brinquedos onde possam empurrar, encaixar e explorar com o tato seus componentes; desmontando tudo e descobrindo o seu funcionamento.

Nessa idade jogos educativos com bichinhos de plástico para montar ou que tenham coisas em seu interior, bonecos com rodinhas para que possam empurrar ou puxar pela casa e outros objetos que possam encaixar e montar.

Depois dos vinte e quatro meses (2 anos) a criança já sente mais prazer em brincar com outras crianças.

Você pode introduzir os jogos educativos com blocos para reforçar a lógica, formas geométricas de vários tamanhos e cores para encaixar em formas mais complexas de tabuleiros, blocos de construção, etc.

Seja lá o que for, tenha uma única certeza: a participação da mãe e pai é fundamental para a a criança.

Leia Mais:

Mudança de Vida que Beneficia a Saúde

Suco Detox para Emagrecer